• Ao Redor - Cultura e Arte

A estreia brasileira do documentário "A Arte da Memória", uma coprodução Brasil-Portugal

O documentário "A Arte da Memória", de Rodrigo Areias, embrenha-se no processo criativo de três artistas plásticos contemporâneos: o brasileiro José Rufino e os portugueses Daniel Blaufuks e Pedro Bastos. Os três artistas discorrem sobre diferentes formas de expressão mergulhando, especialmente, na influência da memória na criação de suas obras.


A "arte da memória" é uma técnica clássica que associa imagens a lugares através de um processo de lembrança e significação. Ao vasculhar os acasos e a desordem, chega-se à mitologia pessoal do realizador, assumindo que a memória é uma ficção como qualquer filme.


A produtora é a Bando à Parte, de Rodrigo Areias, em parceria com a brasileira Fênix Filmes, de Priscila Rosário. O lançamento oficial no Brasil está marcado para o dia 26 de janeiro, às 18:30, em uma sessão especial na praça do Museu de Arte Contemporânea de Niterói- MAC.


“A primeira exibição pública do filme Arte da Memória não poderia ser num espaço mais bonito e significativo, o MAC. Esse filme foi realizado para todos, seguiremos com projeções gratuitas em espaços públicos. Nosso propósito, meu e de Rodrigo Areias, diretor do filme, é mostrar que a Arte é para todos e que pode ser acessível. Neste dia, vamos prestar uma homenagem à Mônica Botelho (comunicação e marketing do Grupo Energisa) pelos trabalhos que desenvolveu na cultura brasileira, e que se recupera de um AVC”, diz Priscila


Sobre o diretor Rodrigo Areias

Nasceu em Portugal em 1978. Estudou som e imagem na Universidade Católica Portuguesa e, mais tarde, especializou-se em realização na Escola de Artes Tisch da Universidade de Nova York. Produziu e coproduziu filmes de cineastas como Edgar Pêra, João Canijo e F.J. Ossang. Foi responsável pela produção de cinema do evento Guimarães 2012 - Capital Europeia da Cultura. Dirigiu, entre outros, os longas-metragens Tebas (2007), Estrada de Palha (2012), 1960 (2013), Ornamento e Crime (2015), Hálito Azul (2018), Surdina (2019) e Vencidos da Vida (2020).



Realização: Rodrigo Areias

55 min | Cor

Produção: Bando à Parte e Fênix Filmes

Distribuição: Fênix Filmes

Trailer: https://vimeo.com/626640260

Argumento: Rodrigo Areias

Director de Fotografia: Jorge Quintela

Montagem: Ricardo Freitas

Produção: Rodrigo Areias, Priscila Miranda do Rosário


Protocolos sanitários: Todos os protocolos sanitários de combate à COVID-19 serão seguidos, tais como a obrigatoriedade do uso de máscara e apresentação do comprovante de vacinação em dia, no formato impresso ou digital, acompanhado de um documento com foto.

 

Curso de Roteiro Audiovisual

05 MÓDULOS COM 60 VIDEOAULAS, INCLUINDO TODA A TEORIA E TÉCNICA DE ROTEIRO. saiba mais


3 comentários